capa

Arquitetura da paisagem

A São Geraldo entende que o paisagismo faz parte da identidade dos projetos em Brasília. Isso porque a capital federal tem uma relação especial com paisagismo graças ao projeto da cidade, que privilegiou o urbanismo. Os muitos espaços verdes da cidade e as casas com quintal são convite ao bom uso do paisagismo. Sabendo ainda que os revestimentos e acabamentos são tão importantes quanto as plantas para um jardim ideal, a São Geraldo convidou para um bate papo os paisagistas Cleber Depieri e Gabriel Domingues. A dupla soma mais de 30 anos de experiência e é responsável por alguns projetos emblemáticos da cidade, além de participarem de inúmeras mostras de arquitetura, design de interiores e paisagismo.

_MG_1240_2

A São Geraldo entende que o paisagismo faz parte da identidade dos projetos em Brasília. Isso porque a capital federal tem uma relação especial com paisagismo graças ao projeto da cidade, que privilegiou o urbanismo. Os muitos espaços verdes da cidade e as casas com quintal são convite ao bom uso do paisagismo. Sabendo ainda que os revestimentos e acabamentos são tão importantes quanto as plantas para um jardim ideal, a São Geraldo convidou para um bate papo os paisagistas Cleber Depieri e Gabriel Domingues. A dupla soma mais de 30 anos de experiência e é responsável por alguns projetos emblemáticos da cidade, além de participarem de inúmeras mostras de arquitetura, design de interiores e paisagismo.

O paisagismo pode elevar ou depreciar um projeto arquitetônico, além de ser uma oportunidade para desfrutar com máximo de conforto do espaço ao ar livre. Cleber Depieri e Gabriel Domingues aprenderam que o melhor jardim é aquele que tem harmonia. Para conquistar esse equilíbrio perfeito, eles contam não apenas com um conhecimento profundo sobre plantas, entendo-as como seres vivos e únicos. Mas também precisam deixar afinados todos os outros elementos que compõem um espaço ao ar livre: passeios, piscinas, pergolados, espaços de vivência e convivência para usufruir do verde. Finalmente, nada disso faz sentido se o paisagismo não estiver integrado ao projeto arquitetônico. Para eles, arquitetura e paisagismo só funcionam em plena simetria.

“Passamos 70 a 80% do tempo com a estrutura, depois a gente preenche com as plantas, que dão corte, textura, volume”, conta Cleber Depieri. Num projeto em sintonia, iluminação, pontos de distribuição de água e especialmente a identidade visual única trabalham para proporcionar um resultado singular. “É comum as pessoas acharem que o paisagista vai chegar e colocar planta e pronto. Com um projeto bem planejado, conseguimos fazer jardins em que cada ângulo conte uma história diferente. Se você olhar da entrada, vê determinados elementos. Se olha a vista da sacada, terá a visão de outras características. São vários jardins em um”, explica Gabriel Domingues.

A conciliação dos diferentes projetos, no entanto, só se concretiza graças à boa execução. É aqui que entram mais atores na produção do jardim ideal. Um bom fornecedor de materiais de revestimento, como a São Geraldo é essencial ao projeto. Materiais inovadores e tecnológicos, como pisos drenantes e revestimentos de piscina, podem elevar o projeto que se torna realidade. Além disso, “Geralmente temos mais jardim do que casa. Então a gente sempre tenta levar alguma coisa para o jardim que estimule a pessoa a andar e ficar por aqui. Sempre tentando, para isso, fazer projetos estimulantes, diferentes”, diz Depieri.

A partir de sugestões dos paisagistas, selecionamos alguns produtos da São Geraldo que podem ser um motivo a mais para você passear/estar no seu jardim:

produto2..produto.produto 4.produto 3.

0 respostas

Deixe uma Resposta

Quer se juntar ao tópico?
Fique à vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>